800 007 970 (Gratuito para españa)
658 598 996
·WhatsApp·

18 may 2015

MUI NOBRE E SEMPRE INVICTO CLUBE DO PORTO 1976-2006. DE 19 ANOS DE JEJUM AO TOPO DO MUNDO, TRES DECADAS DE GLÓRIA

/
Enviado por
/
Comentarios0


ISBN: 978-972-8820-94-7
Editorial: PRIME BOOKS
Sinopsis: Em 1976 o FC Porto interrompeu finalmente um longo jejum de 19 anos sem ganhar títulos ao nível do futebol em Portugal e no estrangeiro.
Daí para cá, não mais parou de vencer.
Como é que todas as vitórias aconteceram e o que esteve por trás do sucesso, foram estes os pontos de partida para a o desenvolvimento deste livro.
Os autores foram falar com inúmeras figuras ligadas ao clube – jogadores, treinadores, dirigentes e adeptos notáveis – e tiveram oportunidade de captar testemunhos curiosos e episódios vários ligados aos acontecimentos mais marcantes da carreira do clube nas três décadas que mediaram entre 1976 e 2006.
O resultado é um livro solto, muito vivo, e que combina na perfeição a história do clube com as histórias contadas pelos respectivos intervenientes.

Bernardino Barros

Nasceu em Vila Real a 6 de Novembro de 1955. O jornalismo foi sempre a sua área de eleição, tendo começado aos 20 anos a colaborar no jornal O Norte Desportivo, lá se mantendo até ao final do ano de 1979. Actividades profisionais díspares do jornailismo levaram a que o re gresso à escrita se verificasse no ano de 1985, no jornal O Comércio do Porto, como redactor de futebol e basquetebol. Em 1991 ingressou na TSF como comentador de futebol, mantendo essa colaboração até 2003, altura em que se transferiu para a Rádio Renascença, onde ainda faz comentário desportivo especializado na área do futebol. Desde 1999 que marca presençaregular na esfera televisiva, tendo colaborado com a RTP, SIC e Sport TV. Na televisão regional NTV apresentou o programa desportivo “NJogadas” durante os anos de 2002 e 2003. Em 2004 regressou a O Comércio do Porto como editor da secção de desporto, cargo que manteve até ao encerramento das portas daquele que era o mais antigo (151 anos) da Península Ibérica.

Rémulo Jónatas
Rémulo Jónatas nasceu a 16 de Maio de 1978, no Porto. Apenas com 19 anos, em meados de 1997, começou a sua carreira jornalística, então ao serviço de uma publicação empresarial. No Verão de 1998, entrou pela primeira vez para o Jornal O Jogo, local onde, de resto, lhe foi possível iniciar um trabalho mais ligado à área do desporto, como sempre ambicionara. No diário desportivo se manteve até meados de 2000, altura em que, já depois de ter sido o responsável pelo gabinete de imprensa do Campeonato do Mundo de Voleibol Escolar, trabalhando directamente e sob a tutela do Ministério da Educação, passou a integrar os quadros da Infordesporto, e mais concretamente da redacção do portal de informação desportiva Infordesporto.pt. Durante cerca de dois anos, dedica-se sobretudo ao acompanhamento diário dos “trabalhos” do Futebol Clube do Porto. Maio de 2002 coincidiu com um novo regresso a O Jogo, integrando a secção de conteúdos da referida jornal, o que lhe possibilitou trabalhar não só para a “versão” online do diário como para a de papel. Um ano mais tarde, passaria a trabalhar no Diário de Notícias, na secção de Publicações Especiais, fazendo parte da equipa de autores da Grande Enciclopédia dos Europeus de Futebol, que culminou com a publicação de uma obra com quatro volumes referentes ao tema. Colaborou ainda com o sítio oficial da UEFA em português, antes de passar a integrar os quadros de O Comércio do Porto. Nessa publicação, esteve entre Janeiro de 2004 e Junho de 2005, altura em que a edição e publicação do jornal Decando da Imprensa Nacional foi suspensa. É autor da obra “História dos Campeonatos do Mundo de Futebol”, recentemente publidcada.

ÍNDICE
INTRODUÇAO
NICOLAU D’ALMEIDA E O FOOT BALL CLUB DO PORTO
A REANIMAÇAO POR MONTEIRO DA COSTA
DO ENRAIZAR AOS PRIMEIROS TITULOS NACIONAIS
SEMPRE PIONEIRO, SEMPRE NA LIDERANÇA
O NASCER DA MISTICA, DO HABITO DE GANHAR
DEPOIS DO “BI” A “GRANDE DEPRESSAO”
O EFEITO “BOLA DE NEVE”
YUSTRICH, A LUFADA DE AR FRESCO
BELLA… ILUSAO
OS ANOS DE SOFRIMENTO
VENTOS DE MUDANÇÁ COMEÇARAM A SOPRAR EM 1976
O PRIMEIRO DIA DO RESTO DA VIDA DE UM NOVO PORTO
CAMPEOES, ENFIM!!!
“BI” MAS NAO “TRI”
O “VERAO QUENTE” QUE ABRIU CAMINHO A PRESIDENCIA DE TODAS AS VITORIAS
O INICIO DA CONSTRUÇAO DE UM IMPERIO NACIONAL E MUNDIAL
FINAL DA TAÇA DAS TAÇAS…. COMO “APERITIVO”
PORTUGAL, A EUROPA E O MUNDO!!!
DE VILA DO CONDE A VIENA, A JORNADA VITORIOSA DO FC PORTO
IVIC COMPLETA O QUE ARTUR JORGE COMEÇOU
“DOBRADINHA” NO ANO DOS 15 PONTOS DE AVANÇO
OITO TITULOS EM DES ANOS, EIS A GLORIOSA DÉCADA DE GO
O QUARTO “BICAMPEONATO” ABRILHANTA CENTENÁRIO
O INESQUECIVEL E INÉDITO “PENTA”
“TRI” E “TETRA” RIMARAM COM OLIVEIRA E JARDEL
A ENGENHARIA DO “PENTACAMPEONATO”
INFRA-ESTRUCTURAS DIGNAS DOS MELHORES DO MUNDO
O ESTÁDIO DO DRAGAO
“PARA O ANO VAMOS SER CAMPEOES”
O “GRAND SLAM”
O “MELHOR PORTO” AO SOM DAS “SEVILHANAS”
O JOGO PERFEITO NA ANTECÂMARA DA FESTA
UMA QUESTAO DE SUCESSO
GELSENKIRCHEN REEDITA VIENA
A FILOSOFÍA DE OLHAR PARA A FRENTE, SEMPRE PARA A FRENTE
“NINGUÉM ESTÁ ACIMA DO CLUBE”
O ÚLTIMO CAMPEAO DO MUNDO
CO (NTESTADO) MAS CAMPEAO ADRIAANSE
OS ELOGIOS VINDOS DE LONDRES
JESUALDO FERREIRA É O SENHOR QUE SE SEGUE

O SUCESSO DO FUTEBOL CLUBE DO PORTO VISTO POR QUEM SABE

TRINTA ANOS, TRINTA FIGURAS

CONCLUSÁO

OS NÚMEROS E A ESTATÍSTICA DE TRÉS DECADAS DE GLÓRIA

BIBLIOGRAFÍA…

Preparación física de fútbol

Otras colaboraciones